quarta-feira, 17 de outubro de 2012

Poema do esquecimento



                                          Para Joilson Santos
Esqueço ademais as coisas
as horas
as músicas
lembretes.
E nós
- do seu cabelo,
ainda lembro.

4 comentários:

  1. Paradoxo gostoso... Um poema de memória com o título "esquecimento".
    Eis a poesia.
    Eis a poeta.
    Parabéns.

    ResponderExcluir
  2. Como esquecer ao lembrar de esquecer...
    Pois está ai,
    o SER!

    ;)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pra esquecer de lembrar...e lembrar de esquecer...

      Excluir